Blog de Todos os Santos


Salve Jorge! Salve Francisco! Salve Pedro! Salve Isabel! Ave Maria!

E o tempo passa, parece que foi ontem que migrei para o  WordPress. Esperei a solenidade cristã de Todos os Santos para inaugurar essa nova plataforma. Hoje, um ano depois, volto a celebrar a data com um post de aniversário. Na realidade, os acessos diários ao blog são pouquíssimo, e no universo padrão dos blogs isso seria motivo de tristeza. Não para mim! Não escrevo sob o julgo da popularidade ou da fama. O faço tão somente porque gosto de ler e escrever – não sei cantar, compor ou pintar, a escrita é minha arte. Quando peço para acessarem o blog, o faço para ter meu texto analisado e julgado, a qualidade da escrita é o que importa, e o comentário de vocês ajuda-me a apontar novos rumos e afiar as palavras.

E como eu me amarro num tradição, aproveito hoje para lançar ao mundo meus amigos Liberdade e Comuna. Eu infelizmente não sei desenhar, nem tenho muita familiaridade com as artes iconográficas. Mas eu conheço o MS Paint de outras festas… Não é para ser bonito, não é para ser imparcial nem verdadeiro. É apenas para ser uma gozação com os sistemas de produção (Salve Lenin! Salve Smtih!). Se eu escrevo mal, desenho ainda pior – mas sob o mesmo espírito de não me importar com acessos, o faço porque gosto.

Com isso, prezados leitores, saudo-vos com saravá para quem for de saravá; com shalom para quem for de shalom; com Pax Christi para quem for de Pax Christi; com Salaam Aleikum para quem for de Salaam Aleikum. Meu blog confessa a sacrossanta Fé romana, porém o respeito às religiões é componente fundamental e indissociavel do respeito às Tradições dos povos, sobre a qual tanto escrevo, tanto converso, tanto penso.

E para finalizar, relembro um dos meus primeiros tweets. Desde aquele tempo recente (sic) eu convido à reflexão sobre o uso da faculdade de pensamento, exclusiva ao mulher ser humano, é preciso propagar as ideias, é preciso ter ideias! Ideias, pensamentos grandes ou pequenos, estratégicos ou táticos. Só assim, quando todo homem ser humano pensar o mundo será melhor.

Ainda sobre devaneios e publicação de ideias, eu tenho um Tumblr que quase não posto nada e uma página com textos maiores. Esses dois sites comportam textos que não são os objetivos desse blog, por isso estão segregados.

E finalizo esse post por aqui, achando graça que no título haja menção religiosa e no corpo do texto não haja.

Anúncios

Postagem de Todos os Santos


Uma antiga tradição ocidental é fazer grandes festas e comemorações em dias solenes a toda cristandade e a Igreja. E vocês sabem que eu me amarro numa tradição.

Não que a estréia do meu novo blog seja tão solene quanto a sagração de um rei, mas aproveito o dia em que os cristãos comemoram a solenidade de Todos os Santos para postar pela primeira vez no blog da WordPress.

(Não se trata de um post catequético onde direi que essa data é comemorada pela Igreja no primeiro domingo do mês de novembro, sendo sucedida pela solenidade de Cristo-Rei e começando assim um novo ano litúrgico. Fiquem tranqüilos não será.)

Como vocês devem saber, o serviço de blog da Microsoft será o WordPress, a migração já começou. Antecedi-me ao fato.

Como vocês devem ter percebido meu MSN e blog são os únicos serviços web que não são da franquia 931. Não eram. Esse blog já está como 931, e meu MSN em breve retornará para 931. (já me perguntaram se eu era evil friendly [sic] por causa desse número. A razão dessa combinação é razão para outro post, ie, são proporcionais [trocadilho]).

O layout do blog possivelmente sofrerá mudanças. Me pergunto se layout ainda é uma palavra usada. Tempos que não uso/falo/escrevo/penso/sugiro essa palavra. Acho que uso design, estilo, template, desenho ou qualquer outra palavra que o valha. Mas layout… Sinceramente, Leandro. As pessoas vão achar meu blog um alfarrábio (essa palavra eu uso com alguma freqüência).

Enfim, com esse post estou debutando o serviço da WordPress. Pretendo postar alguns vídeos no meu canal no YouTube e escrever com mais freqüência (e maior qualidade), mas tudo gira em torna da faculdade. A Engenharia é um buraco-negro que me toma tudo aquilo que me dá algum prazer, não me permite fazer cosias senão estudar vetores e circuitos. Se vale a pena? Vale sim, desde pequeno quero ser engenheiro eletrônico, e pressinto que sentirei falta disso tudo quando me formar. Eu espero me formar, se Deus quiser…

E para não deixar passar, no Dia de Todos os Santos a Mãe Igreja celebra todos os santos – reconhecidos ou não –, mártires e pessoas que já estão na Glória de Deus.