Diretrizes 931 de backup

Não vou explicar como se faz ou o que é backup, procure no Bing. Apenas pretendo expor parte das diretrizes que eu uso para ter meus dados em segurança. E comentar porque devemos usar a ‘nuvem’.

Até tempos recentes eu tinha um HD de 160GB onde guardava cópias de meus amados arquivos, porém com aumento de banda (sem trocadilhos) e aumento da capacidade de geração de arquivos, meu HD principal (desktop) estava ficando pequeno, precisava expandir para o HD de backup. Dai eu tinha dois caminhos a seguir: ou ficava sem backup como 99% das pessoas ou procurava outro lugar para ter minhas cópias. Como bom nerd escolhi a segunda opção.

Fiz uma pesquisa para ver as soluções atuais, a que melhor me servia era criar um NAS (em palavras simples é um PC com função exclusiva de guardar dados, seja como backup seja como central). Fiz pesquisa de peças, montagem e configuração, só faltou o principal, ou seja, dinheiro (aceito doações).

Explicando o segundo parágrafo. Com mais banda (leia-se maior velocidade) a tentação de fazer downloads gigantes é muito grande e somado com a queda livre  dos preços de memória flash e de equipamentos capazes de gerar conteúdo em alta definição, as taxas de utilização do HD vai às alturas. Por exemplo, cada vez que saio para fazer fotos random, gasto em média uns 2GB, dos quais só uns poucos MB são uteis, mas eu não gosto de apagar nada… Minha capacidade instalada somada (desktop + laptop) é aproximadamente de 1 TB, dos quais só uns 40-50GB são dados passíveis a backup. Ainda há outras fontes das quais também sou responsável, soma-se uns 10GB.

Resumindo, tenho em média 50-60GB para guardar. A solução com melhor custo benefício é disco magnético (leia-se HD)pois são baratos, práticos, robustos e confiáveis (desde que não sejam operados por crianças ou comunistas), com todos esses adjetivos um NAS seria ideial para mim, mas há a excassez de dinheiro. E não vou comprar um HD novo, pois seria provisório até o NAS sair. Para ter um parâmetro de comparação, a indústria ama uma tecnologia para backup: fita magnética! Sim, amam fitas k-7 com esteroides.

Restaram-me duas saídas mais ou menos óbvias: memórias flash ou mídias ópticas. A primeira não é muito confiável para períodos muito longos de estocagem (alô pen-drive dentro da gaveta dessarumada!) e é caro. Escolhi a segunda.

Desse grupo, blu-ray seria ideal, um único disco seria capaz de salvar a pátria, mas como não tenho gravador/leitor de blu-ray uso mídias de 8GB+. Para evitar ter muitos discos, reduzi drasticamente os dados a serem copiados, compactei e mandei bala. TODOS COMEMORA \o/

Em dias recentes, Steve Jobs fez um show no lançamento da iCloud. Bom porque vai popularizar o uso da nuvem junto as pessoas ‘normais’. Ressalvo somente que a Microsoft lançou serviço igual, o SkyDrive, muito tempo antes, em 2008. Eu uso, recomendo e recomendo duas vezes, muito bem integrado ao Windows 7 (25GB grátis). Outra coisa, se você não for uma grande empresa, evite fazer seus backups na nuvem: se um dia você precisar daquele arquivo e estiver sem internet? E se um dia você precisar daquele arquivo e o site estiver fora do ar? E se um dia você precisar daquele arquivo e a empresa tiver falido? TODOS CHORA 😦

Leitores, é muito prático você poder criar um documento, acessá-lo e modificá-lo em qualquer lugar. Além do óbvio ganho em produtividade, você ganha em logística, pois acaba aquela história de nunca saber qual a última versão; o que no fundo volta a ser ganho em produtividade.

**–

Tenho uns cartões de memória antigos jogados na mesa do PC, vou testar usá-los como destino alternativa de minhas cópias de cópias.

**–

Sem razões técnicas, eu preferia o nome de HD DVD para o sucessor do DVD.

**–

FAÇA BACKUP, o Windows tem um bom gerenciador próprio, compre um HD externo. O resto é automático! Mesmo que você seja comunista você vai conseguir‼

Anúncios

Discorde aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s