Um moribundo no trem

Era uma vez um trem na cidade do Rio de Janeiro. O trem ia para Central do Brasil. O trem estava cheio. Nesse trem cheio estava uma pessoa.

Era uma vez um trem na cidade do Rio de Janeiro. O trem ia para Deodoro. O trem estava cheio. Nesse trem cheio estava uma pessoa.

Era uma vez um trem na cidade do Rio de Janeiro. O trem ia para Central do Brasil. O trem estava vazio. Nesse trem vazio estava uma pessoa melancolica pois estava se lembrando do tempo que tinha muitas pessoas ao redor (mesmo que nem todas fossem amigas), do tempo que estudava perto de casa e não dependia do transporte público, do tempo que tinha notas altas, do tempo que tinha sérias discussões sobre plasma, guerras…

Essa pessoa também estava melancolica por perceber que sua permanencia no seu novo colégio (sim, o mesmo colégio que o fez perder todos os seus privilégios!) estava acabando. Tinha passado dois anos e meio num Centro de Excelência Tecnológica e se perguntava “e agora?”. Nesse Centro, tinha quase nenhum amigo, tinha notas baixas, era excluido, passado pra tras, humilhado. Mas foi também nesse Centro que o moribundo do trem conheceu a menina mais linda e perfeita que o mundo poderia gerar, mas a perdeu; nesse Centro conheceu dois amigos que se juntariam aos outros dois no Hall do Melhores.

A pessoa percebeu que sentia falta do tempo que era menor, tinha menos problemas. A pessoa tinha medo de ficar sozinha para sempre.

A pessoa fala que não adianta reclamar, diz que o importate é ter fé em Deus e seguir em frente. Novas coisas boas hão de vir.

A pessoa só tem medo de perder o último trem para Deodoro e ficar sozinha no Centro. Mesmo que o trem esteja lotado.

Anúncios

Discorde aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s